Normal People- Pessoas Normais ( Livro + Série)

Normal people: Sally Rooney | Amazon.com.br

Nome: Pessoas Normais

Autora: Sally Rooney

Editora: Companhia das Letras

Nota:

Compre: https://amzn.to/3opSgrz

Sinopse oficial : Na escola, no interior da Irlanda, Connell e Marianne fingem não se conhecer. Ele é a estrela do time de futebol, ela é solitária e preza por sua privacidade. Mas a mãe de Connell trabalha como empregada na casa dos pais de Marianne, e quando o garoto vai buscar a mãe depois do expediente, uma conexão estranha e indelével cresce entre os dois adolescentes – contudo, um deles está determinado a esconder a relação.

Um ano depois, ambos estão na universidade, em Dublin. Marianne encontrou seu lugar em um novo mundo enquanto Connell fica à margem, tímido e inseguro. Ao longo dos anos da graduação, os dois permanecem próximos, como linhas que se encontram e separam conforme as oportunidades da vida. Porém, enquanto Marianne se embrenha em um espiral de autodestruição e Connell começa a duvidar do sentido de suas escolhas, eles precisam entender até que ponto estão dispostos a ir para salvar um ao outro. Uma história de amor entre duas pessoas que tentam ficar separadas, mas descobrem que isso pode ser mais difícil do que tinham imaginado.

Minha Opinião: 

Mariane Cornell estudam na mesma escola e por lá não se falam, praticamente fingem que nem se conhecem. Apesar de não ser segredo pra ninguém que a mãe dele é empregada na casa dela.
Mariane não tem amigos, totalmente isolada e só. Já Cornell é superpopular na escola e tem vários amigos. A premissa da história é basicamente essa.

A historia se passa em um tempo de 4 anos com capítulos de 2011 a 2014.

Durante o Ensino Médio e a vida Universitária dos protagonistas.

A escrita da autora não é nada linear. E sem conclusões de acontecimento. A gente não sabe necessariamente tudo que está acontecendo. Tudo fica meio inconclusivo.

O intervalo de acontecimentos existem lacunas de semanas e meses. Sempre orientado no início de cada capítulo.

O livro traz basicamente uma reflexão sobre o diálogo, o quanto é importante falar. E que nem sempre tudo que dizemos é claro, devemos sempre deixar o mais claro possível tudo que sentimos e queremos para as pessoas.

A obra é muito vida real, talvez seja por isso que seja um queridinho da crítica e do público. Tudo que acontece com os personagens e as situações criadas são 100% reais de acontecer.

Escancara os nosso erros em qualquer tipo de relação.

Nem sempre um sinal, um gesto, uma atitude deixa as coisas mais claras do que o diálogo 100% real e lúcido.

Série: 

Sucesso lá fora, série "Pessoas Normais" chega ao streaming no Brasil |  Exame

A adaptação é bem fiel ao livro e serve como complemento para a obra. Uma fotografia poética e sensível, mas ao mesmo tempo pouco explorada em episódios curtos e que acabam excluindo qualquer tipo de adoração um pouco mais contemplativa.  Outra característica que deve ser avaliada é que a adaptação deixa a história um pouco mais leve, principalmente em partes mais dramáticas e violentas detalhadas pela autora no livro, já na série o tom dos acontecimentos muitas vezes foi representado de maneira muito mais leve, do que de fato aconteceram.

 

 

 

por gabriel

Resenha: O Lado Obscuro que Há em Mim + minha experiência com o Kindle

O Lado Obscuro que Há em Mim por [Leandro Alves]

Nome: O Lado Obscuro que Há em Mim

Autor: Leandro Alves

Independente 

Nota:

Comprar: Amazon

Sinopse: Após ser apontada como culpada de uma terrível tragédia que custou a vida de uma pessoa, Melina se isolou de tudo e de todos, até mesmo da música, sua maior paixão. Convencida pelos pais, Mel é inscrita no maior Conservatório de Música da região, afim de viver no completo anonimato. Tudo parece estar entrando nos eixos, até os fantasmas do seu passado insistirem em não ficarem enterrados.
Loucura ou maldição? Ela não confia em mais ninguém, muito menos em si mesma. A música é a única alternativa para salvá-la da escuridão, assim como poderá ser o elo que a faça se autodestruir.

Minha opinião: Em sua estreia solo o autor Leandro Alves traz uma obra dramática e mais madura, se já não fosse possível se encantar com o conto O Meu Amor é Todo Céu disponível em * . Alves trouxe personagens fortes, carga emocional, em uma narrativa oscilante, entre travadas e suspiros, chega a ser impossível  não ter raivas aflições. Chega a ser desesperador tanto sofrimento na vida da protagonista, que em alguns momentos pode gerar a sensação de exagero ao leitor, isso se ele não souber o que é a vida real. E ainda assim trazer tanta *força a personagem.  Elementos musicais e espirituais dão sabor a trama, proporcionando ao leitor uma riqueza de sentimentos sobre elas explorados.

Minha experiência com o Kindle: em julho comprei o Kindle da Amazon, depois de anos com receio do dispositivo, por carregar aquela velha opinião que nada substitui o livro físico, no último ano fui me desconstruindo em relação a isso. Após alguns reviews, indicações e analisar em blogs e no Youtube muitos usuários e seus despenhos pré e pós adquirirem o aparelho, tomei a iniciativa de compra, após muitas pesquisas em relação a modelo, preços e afins… Eu estava esperando uma promoção, porque já tinha visto ele pela metade do preço que eu paguei, mas com medo de mais para frente ficar mais caro, decidi comprar na Amazon.  E a minha primeira leitura foi justamente com o Lado Obscuro que Há em Mim. E foi muito confortável a leitura com o aparelho, fiz marcações, não cansou a vista. Um dos melhores investimentos que eu fiz sem dúvidas.  Desde então já realizei várias leituras com o Kindle nos últimos meses, inclusive de um livro já resenhado aqui no blog Vaticinium- Cativos do Amanhã. Outra incrível leitura que fiz no dispositivo foi de “Pessoas Normais – Normal People“. Em breve também irei trazer minha opinião sobre a obra.

 

por gabriel

Resenha: Vaticinium – Cativos do Amanhã

Nome: Vaticinium – Cativos do Amanhã

Autor: Cristiano Martins de Oliveira

Editora: Chiado

Nota:

Onde comprar: 

Livro físico: Chiado

Livro digital (e-book): Amazon

Sinopse: “A casa de Deus, a casa que Ele nos deu, a casa que Ele criou e pediu para que cuidássemos, crescêssemos e multiplicássemos foi arruinada. Falhamos em muitos pontos. Eis que o machado está posto ao tronco. Vemos com nossos próprios olhos muitos prodígios e se os vissem não seriam confundidos também os apóstolos? Constantes Luas de Sangue e super-Luas puderam ser observadas durante muitas noites. Noite passada uma chuva de meteoros pôde ser vista nos céus da Itália. O ar está poluído nas grandes capitais, a água está escassa em muitos lugares, já não existem mais tantas florestas, a vida é pouco valorizada desde a sua concepção até a derradeira hora. Existem vários flagelos deixados pelas alterações climáticas no mundo todo: terremotos, furacões, vulcões ativos e em lugares que não eram comuns. Pois bem, irmãos e irmãs…”

 

Minha opinião: Uma obra diferente de tudo que já li, com uma série de reflexões sobre a sociedade e as relações humanas, com questões políticas, sociais e religiosas se duelando. Além de ter enfase em teor crítico severo aos extremismos.  Na obra ainda o autor expõe  supostas previsões e análises do futuro da sociedade em um contexto criado entre os  anos de 2090.

Questões de movimentos sociais, rivalidade entre nações. Um dos grandes centros da história é a disputa eleitoral da presidência dos Estados Unidos entre Domiciano e Ester, candidatos com ideologias políticas opostas em que o resultado da votação acaba tendo influências notórias no desenrolar de toda a trama.

Um grande  destaque  do livro é para Jonas  e Tabita, personagens de extrema importância para a trama e que se envolvem direta e indiretamente em ocorridos. Reviravoltas, tensões e mudanças. A história em si traz diversas metáforas do futuro, presente, passado e como tudo está interligado e as consequências impactantes na sociedade.

As analogias não podem fugir do imaginário do leitor, ainda mais se formos olhar o contexto Brasil e de polarização que se instaurou desde 2018.

Confira também:

Saiba mais sobre o autor

Instagram do autor

Facebook do autor

Entrevista com o autor no Good Vibes no ar nos dias 17 e 24 de setembro\2020

Para ouvir: radiosudeste.com.br\ apple store: radiosnet\ googleplay: radiosudeste

posteriormente disponibilizado no Apple Podcast e Spotify

 

por gabriel

Melhores lançamentos da música 2020 – parte 1

Nos últimos anos gosto de compartilhar sempre os álbuns ou músicas preferidas por aqui. Neste ano não seria diferente, apesar do cenário de pandemia e isolamento social,  a industria da música foi muito afetada no setor de shows e eventos,  mas  em relação a gravações de discos e singles a situação em pouco ou talvez em nada se modificou ao contexto de antes da pandemia, muitos artistas seguiram lançando trabalhos, que já estavam previamente finalizados ou até mesmo gravando canções de maneira remota em seus próprios estúdios.

Para essa primeira parte selecionei sem pretensão somente artistas nacionais;

O duo ANAVITÓRIA lançou a Me conta da tua janela gravada diretamente da quarentena, por meio de gravação de celular os vocais e o videoclipe em tom caseiro.

Em Maio o Outroeu lançou a romântica Pra Vida Inteira composição de Mike ( Outroeu) e Ana Caetano (ANAVITÓRIA)

Também da Outroeu, mas lançada no mais recentemente no final do mês de julho, em parceria com Ana Gabriela na faixa Se Perder 

Tiago Iorc lançou single de estreia na Sony Music, com faixa composta aos 17 anos de idade, Você Pra Sempre Em Mim 

Lançado em janeiro, antes de qualquer indicio de quarentena, o A Vida É Boa Com Você, álbum de estreia do cantor e compositor Bryan Behr

*destaque também para a versão voz e violão de algumas canções desse álbum gravado no Simples, trabalho ainda mais recente do artista

Em março foi a vez da Nina Fernandes trazer a graciosa Por Onde Anda Você? belíssima canção de sua lavra, da qual mostra que mesmo tão jovem a artista escreve canções em tonalidade extremamente poéticas, vide seus últimos trabalhos

 

 

 

O duo Dois É Par gravou música e clipe do single Dança 

por gabriel

Professor de História lança livro de ficção ambientado no Vaticano

Aos 34 anos, após se aventuras na poesia com o seu livro de estreia Sinapse – sementes líricas (LiteraCidade), Cristiano Martins de Oliveira se arrisca na ficção no livro Vaticinium- Cativos do Amanhã em edição da editora portuguesa Chiado.

“…Costumava sempre deixar meus escritos guardados, até que comecei a enviar os poemas que tenho para concursos e antologias e os mesmos começaram a ser selecionados, inclusive, o meu primeiro livro (Sinapse – sementes líricas), que é de poemas, foi uma chamada para publicação que a editora LiteraCidade promoveu e dentre cerca de 300 pessoas ele foi escolhido…”


 

Vaticinium - Cativos do Amanhã  Onde encontrar

Chiado 

Travessa

Amazon

 

“…Leituras sobre a humanidade, sobre uma sociedade ideal, sobre conspirações, sempre rodearam o meu imaginário, até que um dia assisti um filme (Bill, 2015) que falava sobre escrever, escreva sobre o que você sabe, era a principal mensagem que retirei do filme, então, grosso modo, resolvi me desafiar mudando o estilo, de poema para romance..” 

 

Em breve resenha no blog e entrevista no Good Vibes 

 

por gabriel

Resenha: Doenças que mudaram a história

Doenças que mudaram a história

Nome: Doenças que mudaram a história

Autor: Guido Carlos Levi

Editora: Contexto

Nota: 

Comprar: https://amzn.to/2SSLuMR

Sinopse: Doenças têm o poder de alterar o andamento do processo histórico? A resposta é positiva para o autor deste livro, o médico infectologista Guido Carlos Levi, com décadas de experiência no serviço público e privado.

Uma vez por mês, oito médicos se reúnem para jantar e conversar. Além da profissão, eles compartilham a paixão pela História, em particular pelo estudo de doenças que influenciaram no desencadeamento e na evolução de acontecimentos históricos. O tema dos encontros: de que modo doenças como varíola, tifo, escorbuto, cólera alteraram o destino de povos e nações?

O resultado é uma obra gostosa de ler e cheia de informações relevantes.

Minha Opinião: Ganhei este livro no ano passado e iniciei a leitura antes dos desdobramentos da pandemia de coronavírus, mas acabei fazendo pausas, apesar do enxuto livro. Neste meio tempo acabei retornando a leitura no começo de fevereiro e logo depois estourou tudo que está acontecendo até agora .

Após toda essa apresentação, trago a minha experiência com o livro do Guido Carlos Levi;

Logo pelo título acreditei que o livro seguiria por um viés de algum tipo de enciclopédia, mas o autor conseguiu trazer um grupo de médicos estudiosos dos mais diversos recortes sócios-culturais, em conversas dentro de uma pizzaria para  entenderem do surgimento de cada doença.

 

O livro tem uma didática muito clara, leitura fluída, mas sem perder os detalhes necessários para a compreensão do leitor. O autor ainda colocou um pouco de romance entre os personagens, tal característica que coloco como uma das poucas negativas, visto que acaba sendo um fator que não agrega o enredo. Em contrapartida o grande ganho do livro é a narrativa com os causos dos médicos em meio as explicações sobre as doenças.

 

*Fotografia autoral. Reprodução não autorizada 

 

por gabriel

Exposição- Sebastião Salgado: Gold – Mina de Ouro Serra Pelada

O Sesc da Avenida Paulista recebeu no segundo semestre de 2019, a exposição do fotógrafo premiado, Sebastião Salgado, do qual apresenta o registro de um mês de visitas do artista a minas de ouro pelo Brasil, na qual é revelada as condições de trabalho dos mineradores.

O Design ficou por conta de Lélia Wanick Salgado. Além da exposição, foi publicado o livro “Sebastião Salgado – Gold” em que compartilha o acervo de fotografias do garimpo.  A opção pelo preto e branco, lembra abordagens como a feita por Cartie- Bresson.

Sem dúvidas uma das exposições fotográficas mais impactantes, espero que retorne em outros espaços.

por gabriel

Graphic Novel- Até o fim

Resultado de imagem para Graphic novel até o fim

Nome:  Até o Fim

Autor (a): Eric Peleias

Desenhos:  Gustavo Borges

Cores:  Michel Ramalho

Editora: Novo século

Nota:

Comprar: https://amzn.to/2uf52Sd

Sinopse: Lilian e seus amigos sofrem um acidente de carro e ela faz um acordo para poder voltar à vida: precisa escolher o destino adequado para a alma de cada um dos seus amigos antes de o sol nascer.

Minha Opinião: A história traz reflexões sobre a vida, morte, pessoas, futuro e passado. Em traços totalmente finos e e cores azul e branco totalmente intensos, mostram o quanto a trama mergulha em um dos maiores dilemas da vida, que por incrível que pareça é a morte. Como você vai morrer? Como você prefere morrer? Ou aquelas perguntas do tipo; você prefere saber quando você vai morrer ou como você vai morrer? Certamente já deve ter se deparado com perguntas desse tipo ou escutado por aí.  A HQ é super cativante e filosófica, além de ser nacional, o que acaba proporcionando ao leitor maior familiaridade e identificação, por meio de elementos como a música Evidências, gravada pelos irmãos Chitãozinho e Xororó . Os artistas ainda conseguiram mesclar momentos engraçados e arrepiantes, todos de forma coesa.

Decisões sempre são coisas que podem mudar a nossa vida, não as do tipo do sabor da pizza ou do sorvete que você vai tomar no final de semana, mas faculdade, trabalho e vida pessoal podem provocar diversas escolhas que temos que tomar que podem influenciar o desfecho de situações de nossas vidas. A leitura da HQ faz com que o leitor reflita sobre outros causos que podem colidir em nossos mundos, a escolha de desligar ou não o aparelho de um ente querido, entre outras situações. Até o Fim é uma das melhores graphic novels que já li, linda dentro pra fora. Ainda me causa mais orgulho que foram feitas por roteiristas e artistas brasileiros.

 

por gabriel

Melhores lançamentos da música nacional e internacional- Dezembro 2019

Resultado de imagem para tim bernardes

Harry Styles lançou o álbum Fine Line

Tiago Iorc lançou Pode se Achegar em parceria com Agnes Nunes

Tim Bernardes lança o single  Só Nós Dois 

AnaVitoria lança álbum cantando músicas do Nando Reis

Priscilla Alcantara lança Girassol com  Whinderson Nunes

Nando Reis regrava Onde Você Mora? com Melim

Outroeu lança versão acústica de músicas lançadas em 2019

 

por gabriel

Melhores lançamentos nacionais e internacionais – Novembro 2019

Resultado de imagem para jacob lee

Jacob Lee lançou o single Guindance 

 

Rubel regravou Partilhar com Anavitoria e  clipe com participação da atriz Marina Ruy Barbosa

Harry Style lançou os single Watermelon Sugar e Lights Up 

Thalles lança a faixa Everybody Dies

Jake Bugg lançou o single Kiss Like The Sun 

Tom Speight lançou para o Natal Christmas Morning 

Paul Mccartney lançou Home Tonight

por gabriel