Resenha: A Empatia – R.W Costa

A empatia - eBooks na Amazon.com.br

Sinopse: O livro “A empatia” conta a história de Carter, fruto de uma gravidez inesperada que, durante a infância, vivenciou a separação repentina dos pais e a morte do avô e da mãe, eventos os quais desestruturaram a família. Influência religiosa, descoberta de sexualidade e abuso sexual fazem parte da adolescência do garoto, que busca ajuda no período em que está na universidade, ao mesmo tempo que vive um romance.

Onde comprar: AmazonSite da editora Viseu

Minha opinião: Em “A empatia”, livro de estreia do jovem Renan Willian, que assina como R.W Costa, temos a história de Carter e sua família. 

Traçando uma trajetória desde  o seu nascimento, que envolve a vida dos seus pais e avós. De família religiosa e tradicional, líderes da igreja “Vadu Natac”. Sofia é mãe de Carter e nos primeiros desdobramentos sabemos o quanto a gravidez da jovem é marcada com conflitos em relação ao pai do protagonista e o adoecimento da própria, meses após o nascimento de Carter.

 A obra publicada pela Editora Viseu tem escrita dinâmica e sem muitos detalhes. Apesar de abordar temáticas densas, tudo em decorrência dos acontecimentos na vida do personagem e de sua família, o autor deixou a história com clima em atmosfera “leve”.

O livro é dividido em capítulos que nos apresenta outros personagens que fazem parte da vida de Carter com um olhar individual de cada um sobre os acontecimentos da trama. Isso faz a gente refletir como cada pessoa tem uma visão diferente sobre as coisas que acontecem nas nossas vidas. 

Boa parte da obra é ausente de  detalhes, o que pode ser comparado a situações do cotidiano. Por exemplo: quando alguém comenta algo com você não necessariamente a pessoa vai te contar tudo e com riquezas de detalhes e descrições. 

O ápice do livro com certeza são os anos de Carter na universidade. Nessa parte conseguimos visualizar momentos de maior vulnerabilidade, romances e amadurecimento. 

por gabriel